Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 7 de março de 2011

CIRURGIA CESARIANA

CESARIANA
Há duas versões encontradas na literatura sobre a denominação dessa cirurgia.
Na primeira, mais difundida, o nome “cesariana” é derivado de Caio Júlio César, um dos doze césares do Império Romano, que teria nascido pela abertura do ventre de sua mãe, no ano 100 a.C.
A segunda versão atribui o sobrenome César ao fato de Júlio ter nascido de uma cesariana, já que os romanos chamavam de caeseres quem era retirado com vida do útero materno por uma abertura na parede abdominal, após a morte da mãe.
Porém, há inúmeras controvérsias em ambas as versões. O sobrenome Caesar (César) é anterior ao nascimento do imperador romano. Além de que, na época de Júlio, por motivos religiosos que não permitiam o sepultamento de mulheres grávidas, a abertura abdominal para a retirada do feto só era praticada no caso da morte da gestante. E, segundo diversos estudos históricos, Aurélia, mãe de Júlio, viveu anos depois do nascimento do seu filho, inclusive lhe dando irmãos.
Sendo assim, a versão mais provável para a origem do nome cesariana é o verbo, em latim, caedo, caedici, caeso e cedere, que significa cortar, incisar.
(Fontes: revista Aventuras na História e artigo científico Que tem a ver Júlio César com a operação cesariana?, do professor emérito da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Goiás e membro da Sociedade Brasileira de História da Medicina, Joffre M. de Rezende/Camila Miquelim - http://www.medatual.com.br/revista/?p=435)

Nenhum comentário:

Postar um comentário