Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

DISFUNÇÃO ERÉTIL e TAMANHO DA CINTURA


O tamanho da cintura, que já é considerado um fator de risco para doenças do coração, também pode indicar a probabilidade de um homem ter disfunções sexuais e urológicas.
A conclusão é de um estudo da Faculdade de Medicina Weill Cornell, nos Estados Unidos.
A pesquisa incluiu 409 homens com idade média de 40 anos. Os participantes foram divididos em três grupos, de acordo com as medidas da cintura: menos de 91 cm, entre 91 cm e 101 cm e mais do que 101 cm.
No grupo mais "largo", 74,5% dos homens disseram ter disfunção erétil. O problema foi relatado por metade dos participantes do grupo de cintura "média" e por 32% dos que tinham medidas abaixo de 91 cm.
Problemas de ejaculação também foram maiores entre os que mediam mais de 101 cm de cintura: foram relatados por 60% dos participantes desse grupo, contra 40% e 21% dos casos relatados pelo grupo do meio e pelo de menor circunferência, respectivamente.
Os pesquisadores não sabem ainda definir os mecanismos que fazem com que o tamanho da cintura influencie a saúde sexual.
No entanto, o coordenador do estudo, o urologista Steven Kaplan, levanta a hipótese de que a gordura abdominal dificulta o fluxo sanguíneo na pélvis e causa alterações hormonais. Esses dois fatores podem levar a dificuldade de ereção e problemas de ejaculação. 
FONTE: http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/1130886-estudo-associa-tamanho-da-cintura-com-disfuncao-eretil.shtml

Nenhum comentário:

Postar um comentário